Namorar em BH, uma questão de escolha?

Ontem uma pessoa me perguntou porque eu não tenho namorado…
De cara, assim de bate-pronto, respondi que era porque eu não queria namorar…
Mentira!
Claro que é mentira, pelo menos em parte. Porque, vamos combinar, ter alguém nem que seja pra encostar a cabeça no ombro, é muito bom!
Pois bem, então, “por que”?
Daí hoje cheguei a algumas possíveis explicações e que acredito irão se encaixar com uma galera.
1. Moro em Belo Horizonte, cidade famosa pelo número de mulheres e, talvez em virtude da oferta muito maior do que a demanda, tbem famosa por seus homens (em sua grande maioria) pouco cavalheiros ou sem iniciativa (fato).
2. A vida (e em BH mais ainda pelos motivos acima), torna mulheres separadas, mães, acima dos 40, muito fortes, independentes e seletivas. Se não for pra ser tão forte quanto, despachado, resolvido e sem muito “mimimi” tbem não serve. (Homem querendo “mamãe” tem um monte…tô fora);
3. Amor…olha só que besteira! Eu acredito no amor! Então, namorar só por namorar, pra mim, seria desperdiçar a oportunidade de encontrar o tal amor.
4. Pra terminar, talvez o mais real de todos…”tem que ser mais macho do que eu”, e eu já praticamente tenho bolas! Kkkkkkkkkk brincadeira! Mas tem que ter bom humor, inteligência e me aguentar. Pois é, me ferrei!

LB

3 comentários

  1. Bárbara disse:

    É isso mesmo!

  2. j c nunes disse:

    quero saber quem é vc

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *